Aparecida Ramos -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos
Título Categoria Data Leituras
SILÊNCIO ÀS VEZES É DEFINIÇÃO Poesias › Tristeza 04/06/19 56
QUADRAS PARA ELE (plagiando Flor...) Poesias › Tristeza 05/11/18 26
TRISTEZA SE EXPLICA? Poesias › Tristeza 30/09/18 28
MORTE ANÔNIMA Poesias › Tristeza 19/07/17 44
ONDE FOI PARAR A TINTA? Poesias › Tristeza 14/01/17 18
POR QUÊ? Poesias › Tristeza 18/05/16 30
NÃO É MAIS A MESMA RUA Poesias › Tristeza 03/01/16 15
PALAVRA DE MÃE Poesias › Tristeza 27/10/15 17
OMBROS MACHUCADOS (reeditado) Poesias › Tristeza 15/05/15 30
TALVEZ SEJA A HORA Poesias › Tristeza 12/03/15 26
O CÉU TAMBÉM CHOROU Poesias › Tristeza 28/08/14 30
PÁLIDA ROSA DESPETALADA (Reeditado) Poesias › Tristeza 06/06/14 33
DISTANTE (Reeditado) Poesias › Tristeza 11/05/14 26
TRISTE POEMA Poesias › Tristeza 30/10/13 33
LÁGRIMAS DESINTEGRADAS Poesias › Tristeza 27/09/13 21
ENTRE FOLHAS, MORTA Poesias › Tristeza 21/09/13 15
QUANDO ROSAS NÃO ABREM Poesias › Tristeza 17/09/13 81
SE EU PUDESSE TE FALAR Poesias › Tristeza 29/07/13 27
A DOR QUE O SONHO ESQUECEU Poesias › Tristeza 16/07/13 25
SÓ MAIS UM PRANTO Poesias › Tristeza 28/06/13 23
Página 1 de 5 1 2 3 4 5 [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras