Aparecida Ramos -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos

9k=
Me deixa descansar
...

À sombra dos versos teus,
No colo das tuas canções,
No ombro dos teus poemas,
Nos braços de tua alma,
Na beleza que me ofereces,
No brilho desse doce olhar.

Me deixa descansar
...
Nas cores de nossa saudade,
No perfume que deixas em mim,
No hálito de tua boca,
Na brisa que te envolve,
No aroma dos teus jasmins,
Nos teus melhores pensamentos,
E nos sonhos que sonhas por mim.
....
Mas... se o dia escurecer,
Se à noite a luz faltar,
Se a chuva não "chover",
Se o vento não soprar,
Se teu riso for "sem graça",
Se lágrimas virem a rolar...
Lembra, amor que estou aqui,
Esqueço que estou cansada
E correndo venho te abraçar.
Quero acolher teu cansaço;
Meu corpo será teu regaço;
Um encontro de duas almas
Enlaçadas em um abraço,
Porque, ainda que não brilhe o sol,
Meu amor que é infinito...
Por ti, sobreviverá.
******
Ísis Dumont
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 12/08/2014
Alterado em 21/07/2017
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras