Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos


Pincelo Aquarelas
 
Imagem relacionada
Na madrugada perduram os silêncios... raramente quebrados pelo cri... cri... de pequenos grilos, alojados sob algumas pedras do meio fio, que restam junto à calçada. De minha janela observo o jardim onde florescem meus versos de amor, em meio a alguns de saudade... da saudade que o vento transporta embalada em gotas de orvalho deixadas sobre a folhagem da amendoeira; essa saudade que transborda de meu coração cheio de amor!
Imagem relacionada
Sou como o rio que corre delineando margens e ribanceiras, transpondo obstáculos, persistente em seu fluxo. Sou como o rio que, algumas vezes, mesmo desaguando em cachoeira não desiste dos desafios, nem de continuar seu curso; não cansa de ser corrente, seguindo sempre em frente, sem desistir de pincelar nas aquarelas da vida e fazer história... Rochedos são inevitáveis, ventos brandos, águas tranquilas e paisagens amenas também.
Resultado de imagem para rios
O Sol ainda sonha com a despedida sombria da tarde, quando nuvens carreagadas foram dissipadas pelo vento Norte. Vou até à janela, sem abri-la totalmente, me arrisco a olhar a rua. Imagino a aurora, daqui a pouco despontando na linha do horizonte e me fazendo lembrar do brilho do teu olhar. O Sol vai aparecer e derramar feixes de luz sobre  as flores do jardim; vai aquecer as emoções e fazer escorrer em meu rosto algumas lágrimas, talvez sem explicação. 
Imagem relacionada
Mais tarde chegará a chuva, banhará meus versos  e me fará compor novas canções. 
Antes do entardecer um poema será embalado e entregue num abraço envolvente, onde apenas o vento será testemunha da felicidade sentida e da alegria que fará vibrar mais forte nossos corações.

Imagem relacionada
 Rosas... ou mesmo em botões são sempre rosas, sempre bem vindas. Um deleite para o olhar, uma inspiração a mais...
Bom dia!!!
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 23/09/2018
Alterado em 23/09/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras