Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos





Calma!  Quando vier, venha em paz
 
 
Não se apresse em pegar o primeiro avião,
Nem queira me surpreender com presentes.
O dia que te trouxe ao mundo não imaginava
O quanto importante (para mim) serias.
 
Venha sem pressa,
Trazendo nas mãos o toque em meus cabelos
No olhar a mesma ternura envolvente
Nos lábios o sorriso que me prende a você
E no coração o entusiasmo, o amor
Que nos faz acreditar na felicidade.
 
Venha sem pressa,
Cantaremos uma canção de esperança
Sairemos felizes por aí de mãos dadas
Em nossa cumplicidade há também confiança.
Acamparemos no bosque onde nasceu nosso amor
Lá, provaremos do mel feito do néctar 
Das flores da colina

E só retornaremos no final da tarde...
Após um banho refrescante no ribeirinho
Somente assim, plenos de amor e ternura
Teremos compensado a dor da saudade.
****************************


carinho037.jpg

Isisdumont.prosaeverso.net
Aparecida Ramos – Prosa e poesia
(Facebook)
 
 
 

 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 01/06/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras