Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos



Poema mudo



basta olhar
sentir
deixar-se tocar
a boca silencia 
os olhos riem
os ouvidos criam
a alma dança
o coração
encantado
apaixonado
aplaude
pula de alegria
emocionado
canta
uma canção
...


das nuvens
versos acenam,
descem de pára quedas
silenciosamente,
gotas de orvalho
dormem sobre
as folhas
a poesia
espera 
a nova
aurora.

**********
isisdumontprosaeverso.net
 




 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 15/03/2015
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras