Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos

Meu Pai
 
Menino "desacompanhado", pensando que da vida
sabia algo, cedo demais...
Ouvindo versos e canções

Obra do talento de meu avô (seu pai).
Tu nem sabias que poeta te tornarias.
 
Jovem, já um poeta, pelas paixões deslumbrado.
Cedo, entre muitos, arrebataste um coração
E te fizesses homem esposo, ainda imaturo.

Andarilho "errante", criatura sem ambição alguma.
Se sonhava, imagino que sim, mas a vida não me deixou
Conhecer seus projetos, saber quais suas ideologias,
Observar e compartilhar de suas ideias.

Poderíamos ter sido um para o outro os melhores amigos.

Mas eu sei que tu fostes um amante das letras e
Da arte poética; praticante da boa leitura,
Zeloso com a qualidade do que escrevias, com a beleza
da caligrafia e d
e como, corretamente se falava.

Poeta viajante, caminheiro por caminhos...
Segundo minha mãe, tantas vezes "inseguros".
Um homem de muitos amores,
Enfeitiçado, atraído em sua beleza, belo tipo físico,
por mulheres "ambiciosas", que sempre querem mais,
sem importarem quanto tempo vai durar
Cada emoção, cada paixão. 


Coração inquieto, paz inconstante, mas,
Amigo de todos... cultivava o respeito, o perdão,
O amor e a solidariedade aos seus semelhantes.

De alma e coração grandiosos;
Nos deixou seu legado.

Quando o vejo por outro ângulo,
Tenho por você, meu amado pai, um orgulho danado.
Por teres sido acima de tudo, um ser humano praticante
também da humildade,
que amava (do seu jeito) sua família,
amava os amigos, enfim, mediante suas qualidades,
para mim, meu pai não tinha defeitos.
E, somente Deus sabe como eu queria tê-lo
bem perto de mim.
**********
Lembro como se fosse hoje, dos presentes que trazia para nós, comprados em outras cidades, onde realizava
suas apresentações em noitadas de festas e cantorias.
Seu timbre de voz era lindo e inconfundível.
Ísis Dumont

 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 10/08/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras