Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos

                                (Poe/Art Construção)

Das Queimadas Brotam Vida e Esperança
 

Visitei e pude ver de perto, inúmeras vezes, (ainda criança) as pequenas e grandes
images?q=tbn:ANd9GcRKNh6YbQdESqnhgSoTxuq-3c5c5YsDLrsLNjOxdluDWSRGF3Le
Consequências (hoje irresponsável) da ação do
2Q==
no intuito de preparar a
images?q=tbn:ANd9GcRJcPw-nv1PNyh0egnJr3HiQZTbjqskRkdlACWFJXKsYTpNAq8yKw
para o
 images?q=tbn:ANd9GcTK9t9YK02ix9sYHyNTrVgSh_Zf23Hwze7fOtsyHKhF13iI3EFd







 
Com a chegada do
images?q=tbn:ANd9GcR0gOjsr52aO6Ja8K9rRtB3561LaVEAFK6XHKtvWeaIaFYcaj7mXg
ressurge a
9k=
no
images?q=tbn:ANd9GcSaZ573OvPPZwuorNY3VnibzPlIL90aMiEQ7zZdS6AArNp4daPIhQ
dos
2Q== images?q=tbn:ANd9GcSIHrgmFfzX4Kxv6BiPdZ3XtCZ-fFnIHXBj_9tFTtPMEs8hnZg9
O sentimento de 
images?q=tbn:ANd9GcSdOeqNTQF84YvJ-e4TXjAn9EgVeJs-iEnN34VeCTHmyQjgHhmwCA
é inevitável...
Em pouco tempo tudo está
images?q=tbn:ANd9GcQMeugIJxz3Uqab8ZbD1RaWQTKYlbkjpdjJjIwFX0biVsM-wjdSkw
E a abundante
images?q=tbn:ANd9GcT2dJiHZP57ObTnRSn9c95sDb4MaredRZTXuEeiS0FgFnjPjc7W
images?q=tbn:ANd9GcQnuLiOJZOo7RmPZ9U6H3Y4dFrGC2Ft8G4ztUkyyuQUnEb7WKj3
images?q=tbn:ANd9GcQARQ5nJ_AUKndk-wIILEE0i2cgdTDTvLr7NRG1as9JhAF2JgNs

images?q=tbn:ANd9GcRrlZ2NtozcBtQsEOWfiMTCtyg9nkSS9MpTYqqkF-t-Q9TRFOSG
é garantia de
images?q=tbn:ANd9GcQn6E9QN7cCg_l27TSAa_wy65zrtnqzBhdA7HMFZ1IC0Cs1uS4l5g
para as 
images?q=tbn:ANd9GcTTMLS7J75fT83EHKq9wOn_HZo6lA40cGekEmAhVO9I0ENxWHIa
que se dedicam ao cultivo da terra e à criação de animais. Esses heróis e heroínas (de verdade) que ainda resistem à vida, apesar das intempéries da natureza e do descaso e abandono dos governantes, no ambiente
Z



images?q=tbn:ANd9GcSipkLLBaYFDeReMaNnNhdcB7ahR9cKpQREoc2-6FHVwu8KJhNC














images?q=tbn:ANd9GcTLJ0Uo1CpyV9sqyASTg2EuH5sp9jTGSVUf7mjXzU9th8Q6RFXQ

Visitei e pude ver de perto, inúmeras vezes, (ainda criança) as pequenas e grandes queimadas.

Consequências da (irresponsável, hoje) ação do homem, no intuito de preparar a terra para o plantio.

Com a chegada do inverno, ressurge a esperança no coração dos trabalhadores.
 
O sentimento de gratidão  é inevitável...
Em pouco tempo tudo está verde e cheio de vida.

E a abundante colheita é garantia de mesa farta para as famílias dos agricutores, que se dedicam ao cultivo da terra e à criação de animais.

Esses heróis e heroínas (de verdade) que ainda resistem à vida, apesar das intempéries da natureza e do descaso e abandono dos governantes, no ambiente rural.

*************************************************************************
Ísis Dumont
Poe/Art - uma criação do poeta/escritor Maurício de Oliveira.
Informações em sua página, seção E-Livros.
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 13/07/2014
Alterado em 13/07/2014
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras