Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos


2Q==

Sonhos de "Menina"



Sonhadora... sou desde menina,
Pelo menos para isso não pedi "licença".
Ao crescer, meus sonhos evoluíram.
Já não eram mais nem os mesmos sonhos
Nem as mesmas crenças.

Um dia sonhei e desejei...
Por muito tempo acalentei esse sonho.
Quis para mim um amor "bonito"
Que realizasse meus puros desejos mais insanos.

E foi sonhando que continuei
Desejando esse amor, mesmo "profano"
Mas precisava ser romântico...
Delicado e quase perfeito,
Que fosse o mais "direito"
Perto de ser "santo".

Sonhei com um amor que me protegesse,
Que voasse comigo às maiores alturas.
Não importando se fôssemos confundidos
Se éramos gente ou outras criaturas.

Desejei um amor que me fizesse linda
Ainda, sendo feia menina ou mulher.
Que me sentisse plena do perfume das rosas.
Que de tão ousado, me levasse à loucura...
Que fôssemos tão amantes ao ponto de nos sentir
Nesse mundo... as últimas criaturas.



Isis Dumont






Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 12/11/2012
Alterado em 12/11/2012
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras