Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos



MEU AMOR DECLARADO


meu_amor_imagem_top.jpg


Este é um poema de amor declarado.
Um poema doce, meigo, terno...
Onde declaro para ti,
 Meu amor eterno.

Talvez, Amor, tu não entendas
A imensidão, a grandeza dessa
Minha "tamanha força" de amar.
Mas se não compreenderes,
Estas linhas já disseram o que guardei por
tanto tempo,
Por não ter coragem para te falar.

Te amo mesmo assim.
Nada mudará entre nós!
Pensei muito, antes de escrever.
Não acreditei que um dia...
Tivesse a ousadia de estar aqui,
Colocando em suas mãos
Os meus sentimentos mais íntimos.

Não importa a estação nem endereços.
O mais importante é o amor que nos une.
É essa sintonia, esse encanto e magia,
Que só cresce a cada dia...
E nos faz sentir como se fôssemos
Metade um do outro.

Isis Dumont



 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 04/07/2012
Alterado em 04/07/2012
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras