Ísis Dumont -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos

 
 
Ao Teu Encontro



Open-Water-240x300.jpg

 

Acordo cedo e durmo tarde. Enquanto escrevo, espero, a cidade adormecer, para ficar admirando e 
absorver a beleza e infitude do firmamento...

Conto as estrelas, beijo a lua, e viajo... 
Me acompanham o doce som da tua voz, tantas lembranças... e os meus pensamentos destemidos e descabidos.

Para esse encontro de almas, O tempo se encarrega de providenciar o passaporte que até você vai me levar.

Minha bagagem estará em meu coração.Será composta de ternura, esperança, sensibilidade, muito amor e emoção. 

Nesse doce encontro quero ser neblina, chuva fina a regar o jardim dos teus desejos e sensações.
Em teu colo, ser acolhida e protegida igual criança...
Só de imaginar fico a sonhar.
Jamais perco a esperança.

Isis Dumont


 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 14/06/2012
Alterado em 14/06/2012
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras