Aparecida Ramos -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos

SENHOR MEU DEUS...

misterio_mar.jpg
Senhor Meu Deus, venho mais uma vez agradecer por todas as bênçãos que tenho recebido de Vossas mãos infinitamente bondosas. São, ao longo de minha breve vida tantas graças e favores, não que eu faça por merecer, mas por Vossa infinita bondade, porque não tens, Meu Deus olhado para tantas falhas em minha vida, mas tens me visto com olhos de Pai, não de pai que pune, que cobra, que ameaça, que reprova com o olhar, mas de Pai que compreende, que ama incondicionalmente, enfim, me vês com olhos maternos de Pai perdoador. Sei, Meu Deus que o Teu amor me tem proporcionado grandes momentos de serenidade, de acolhimento, de tolerância e de paciência também nas situações mais difíceis, mais adversas de minha vida, quando eu não tive com quem contar, foi o Teu Amor de Pai Salvador que não me desamparou. Talvez (não lembro se aconteceu) por alguma fração de segundo eu tenha duvidado de Tua presença em minha vida, entretanto, vencidas as tempestades, eu sei que Tu me conduzisses nos braços em todos aqueles momentos. Por tudo isso, Meu Deus, eu não me cansarei jamais de Te agradecer, de te louvar e glorificar. Tudo que sou, Meu Deus, eu devo apenas a Ti. Eu jamais seria como sou, viveria como vivo, se não fosse pela graça da Vossa Luz e do Vosso infinito amor em minha vida. Foi Vós que me restaurastes, me levasses a caminhar sobre a planície de outros prados e me manténs de pé. E assim seguirei e viverei, buscando cada dia me esforçar, Senhor para fazer a Vossa vontade, para praticar a Vossa Palavra. Bem sei que as dificuldades, os desafios, diários, são muitos, mas o Teu Amor e a Tua graça são superiores e infinitos e me fazem a tudo superar.  Amém.
Isis...
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 13/02/2012
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras